Fonte do Conteúdo: Clique Aqui para acessar o site

(Foto: Pedro Ribas/SMCS)

Hospitais e maternidades de Curitiba podem ser obrigados a usar novos mecanismos de segurança para evitar raptos ou trocas de recém-nascidos. Um projeto de lei prevê a utilização de uma pulseira de identificação com sensor eletrônico sonoro, que seria colocada no braço do bebê logo após o parto.

O acessório só seria retirado após a alta hospitalar, na presença da mãe ou responsável pela criança. O dispositivo sonoro seria acionado nas saídas do hospital, caso o bebê estivesse sendo levado de forma indevida. A iniciativa é do presidente da casa, vereador Tico Kuzma (Pros).

Entre as justificativas apresentadas pelo parlamentar está o caso de uma mulher que tentou raptar um bebê na Maternidade do Hospital do Trabalhador na…

Autor: Band News Curitiba – 96,3 FM Data: 2021-07-21 14:13:44

———> LEIA MAIS > … Fonte do Conteúdo: Clique Aqui para acessar o site

[BL]MP3, iPod, celulares, notebooks, cameras [/BL]

Compare Preços de: MP3, iPod, celulares, notebooks, cameras no Buscapé.

Compartilhar