Produtores de maçã esperam boa comercialização em 2021


Produtores de maçã esperam boa comercialização em 2021
Foto: Pixabay

Os produtores paranaenses de maçã estão na expectativa de uma boa comercialização com rentabilidade satisfatória pelo segundo ano consecutivo.

A expectativa é vender a caixa de 18 kg da fruta entre R$ 50 e R$ 55 cada uma, quando houver mais oferta. Hoje, por exemplo, com menor oferta, a caixa de maçã é comercializada em torno de R$ 70, com a fruta embalada e classificada.

Café

A primeira estimativa das safras de café do Brasil de 2021 estabeleceu que a produção total deverá ser entre 43 e 49,5 milhões de sacas de 60 kg, o que indica uma redução de 21,4% a 30,5% em comparação com o volume colhido em 2020. Esse é o menor volume nos últimos 20 anos de produção de café no país.

Pragas

O excesso de umidade, aliado à dificuldade de aplicação de defensivos nas lavouras, tem provocado um aumento na incidência de pragas e doenças, principalmente na soja. Há informações de possíveis abortamentos de vagens em lavouras mais novas e problemas na qualidade dos grãos em algumas áreas em fase final de maturação.

Feijão

Em Cascavel, o feijão primeira safra – o das águas, com área insignificante, mas a maioria com destino para a semente -, está com mais da metade ainda para colher e vai se perdendo no campo. Há informação de possível falta de semente para atender os produtores no plantio da 2º safra de feijão. Na semana que passou, houve cancelamento na entrega de sementes por uma sementeira fornecedora no Paraná.

Suínos

Os custos de produção de suínos e frango de corte acumularam percentuais recordes de aumento no ano de 2020, segundo a companhias da Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa. O IPC suíno encerrou 2020 com alta de 47,28%. Já o IPC do frango fechou o ano com alta de 38,93%.

Rose Machado e Sérgio Mendes


FONTE:

Link Fonte
Autor: CBN
Dominio fonte: cbncuritiba.com
2021-02-03 06:00:00
Data – 2021-02-03 06:00:00