A Polícia Civil procura por Alexandre Rodrigo do Nascimento suspeito de assassinar a namorada após a ceia de Natal na noite da última quinta-feira (24) em Campo Largo, na Grande Curitiba.

De acordo com familiares da vítima, Everlaine Aparecida Ricardo, de 29 anos, vivia com Alexandre há apenas três meses e não havia relatado nenhum tipo de violência por parte dele. Além disso, aparentemente, ele estava cuidando da mulher que havia perdido um filho, de sete anos, vítima de uma doença respiratória, no início de dezembro.

“Ela não contava e a gente não sabia. Ela gostava muito dele, inclusive, porque ele estava cuidando dela”, declarou uma irmã de Everlaine.

Por outro lado, após a divulgação do crime, uma ex-namorada do suspeito foi voluntariamente até a delegacia para contar que era constantemente agredida por Alexandre quando os dois tinham um relacionamento. A jovem declarou que acabou fugindo de Campo Largo porque tinha medo de ser morta por ele.

Mata a namorada após ceia de Natal

Ainda conforme o relato dos parentes, na tarde que antecedeu o crime, a família de Everlaine pagou para que uma profissional de beleza fosse até a casa da vítima e arrumasse ela para a ceia de Natal. Isso porque ela ainda estava muito abalada pela perda do filho.

No entanto, Alexandre teria brigado com a companheira e declarado que ela não poderia usar as roupas que estava vestindo, pois estava “muito bonita”. Pouco tempo depois, outra discussão foi iniciada porque ele não gostou de ver a namorada mandando mensagens de ‘Feliz Natal’ para familiares pelo celular.

O crime ocorreu pouco depois da ceia de Natal, quando Everlaine e seus familiares retornavam da casa de um parente. Os dois haviam discutido e o suspeito chamou a namorada para que os dois pudessem conversar, mas quando a jovem se aproximou, ele efetuou atirou contra ela na frente das testemunhas e fugiu.

Everlaine chegou a ser socorrida, mas não resistiu ao ferimento e morreu no dia 25 de dezembro.

A polícia suspeita que ele possa estar escondido na Lapa, também na região metropolitana da capital, ou em Guaratuba, no litoral do Paraná.

Denuncie

Qualquer informação que possa ajudar a polícia na localização do suspeito pode ser repassada, de forma anônima, pelo telefone 181 Disque Denúncia.

Fonte: Ricmais

FONTE:

Link Fonte
Autor: Correio dos Campos
Dominio fonte: correiodoscampos.com.br
2020-12-28 15:58:23
Data – 2020-12-28 15:58:23

[BL]DVD, MP3, LCD, Plasma, HDTV, Home Theater [/BL]

Compare Preços de: DVD, MP3, LCD, Plasma, HDTV, Home Theater no Buscapé.

Compartilhar