Fonte do Conteúdo: Clique Aqui para acessar o site

Um dos principais alvos da CPI da Covid, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello alegou que teve contato com infectados com o novo coronavírus e por isso não poderia comparecer ao seu depoimento, marcado inicialmente para esta quarta-feira (5).

A presidência da CPI então determinou o adiamento do depoimento do ex-ministro. A nova data da oitiva será 19 de maio.

LEIA TAMBÉM:

>> Mandetta entrega à CPI carta dele a Bolsonaro com previsões e alertas sobre pandemia

>> Mandetta diz que orientação para produção de cloroquina pelo Exército não partiu do Ministério da Saúde

Pazuello, que é general do Exército, deveria comparecer diante do colegiado, mas enviou ofício para a presidência da comissão solicitando não comparecer presencialmente ao depoimento. Alegou que dois…

Autor: Data: 2021-05-04 17:47:52

———> > …
Fonte do Conteúdo: Clique Aqui para acessar o site Parceiro

Compartilhar