Agentes estão colocando fogo em regiões da unidade de conservação, que fica nos Campos Gerais do Paraná, desde terça-feira (20). Visitação continua normalmente.

Queima controlada no Parque Estadual de Vila Velha. (Foto: IAT/Divulgação)

O Parque Estadual de Vila Velha, em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná, está fazendo a queima controlada da vegetação para combater plantas exóticas invasoras. A ação começou na terça-feira (20) e continua nesta quarta-feira (21).

O fogo deverá consumir cerca de 66 hectares, o que representa, aproximadamente, uma área equivalente a 60 campos de futebol.

A técnica é realizada frequentemente e está inclusa no plano de manejo do parque. Participam da ação Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Universidade Estadual de Ponta Grossa, moradores da região e voluntários.

Segundo o Instituto Água e Terra (IAT), as plantas invasoras prejudicam o crescimento da vegetação nativa do parque. Além disso, a queimada ajuda a recuperação das plantas naturais da região.

Mesmo com a queima, que dura em média cinco horas, o parque abre normalmente nesta quarta-feira. O órgão informou que o fogo estará afastado dos atrativos.

A queima é feita desde 2014. O IAT informou que o procedimento precisa ser feito entre os meses de maio e agosto, quando os pássaros que habitam a área não estão em período reprodutivo.

Fonte: G1

FONTE:

Link Fonte
Autor: Correio dos Campos
Dominio fonte: correiodoscampos.com.br
2021-07-21 10:57:38
Data – 2021-07-21 10:57:38

[BL]DVD, MP3, LCD, Plasma, HDTV, Home Theater [/BL]

Compare Preços de: DVD, MP3, LCD, Plasma, HDTV, Home Theater no Buscapé.

Compartilhar