Nos sobrou tempo…

Sobrou tempo para pensar… Que conflito!

Como é difícil parar e ficar sozinho consigo mesmo,sem válvulas externas que nos distraem o tempo todo. Somos acostumados a fugir de nós mesmos, correndo contra o tempo na busca infinita.

Que busca é essa?

Não se sabe. Nem nós sabemos… a pressão social quem sabe! Precisamos de dinheiro, precisamos de beleza, precisamos de mais, sempre mais… Precisamos provar para o mundo… e com a aprovação de todos, aí sim, provamos para nós mesmos. Nossas almas estão exaltas mas não conseguimos parar. É como uma droga que nos tira de nós mesmos, que nos coloca onde todos estão… Onde estão nas redes sociais, onde estão no mundo, onde estão nas fotos, onde estão na noite.

Mas e quando tudo se vai? Quando tudo acaba? O que resta?

Nós mesmos… e os mesmos conflitos viciados, aqueles internos, que nunca paramos para tratar. Aqueles que guardamos na gaveta do coração e trancamos a sete chaves. Não dá pra mexer lá, dói. Já cheira mal, mas não queremos limpar. São nossos apegos, nossas amarguras de coisas que morrerão no passado mas em nós, vivem, pois alimentamos e nutrimos mesmo fazendo mal.

Ah como é difícil lidar com essa ansiedade, com as ausências, nossas carências.

E agora? Estamos trancados em casa! Estamos trancados para dentro, onde tudo lá fora perdeu a cor, perdeu o sabor, parece não importar tanto.

Mas e você ? Se importa com o quão importante você é ?

Respire… Reflita… Faça algo novo, de dentro para fora.

Nos sobrou tempo… Sobrou tempo para nós mesmos!

[BL]MP3, iPod, celulares, notebooks, cameras [/BL]

Compare Preços de: MP3, iPod, celulares, notebooks, cameras no Buscapé.