15 C
Curitiba
quarta-feira, outubro 28, 2020
Motivo e dinâmica são mistério em caso de menina de 1 ano...

Motivo e dinâmica são mistério em caso de menina de 1 ano decapitada pelo padrasto


Pindamonhangaba (SP) – A rotina tranquila de uma cidade do interior interrompida por um crime bárbaro e ainda sem solução conclusiva – esse é o roteiro de filme de terror que os moradores de Pindamonhangaba, município de 170 mil habitantes a 150 km de São Paulo, estão vivendo desde o início desta semana, quando um caso de sequestro de um bebê mobilizou a comunidade e acabou em tragédia.

Reprodução

O padrasto da pequena Maria Clara, de 1 ano e 3 meses, acabou confessando que matou e decapitou a criança com uma faca em uma área rural na última terça-feira (14/10), porém mentiu que ela havia sido sequestrada. Diogo da Silva Leite está preso, mas a polícia – e a cidade – tentam entender por que e como ele cometeu o crime, e se fez tudo sozinho. Uma das dúvidas é se ele violentou sexualmente a vítima, algo que apenas os laudos periciais, com prazos de 30 e 60 dias para ficarem prontos, poderão confirmar.

Leia a matéria completa no Portal Metrópoles, parceiro da Banda B, clicando aqui.



Source link

Compartilhar
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese