Estrabismo: o que é, sintomas, causas e tratamento.

O estrabismo, também chamado de olho torto, é uma alteração oftalmológica em que há desvio de um dos olhos, o que pode interferir na capacidade visual da pessoa, podendo esse desvio acontecer o tempo todo, ou seja, ser intermitente, ou apenas em alguns momentos. De acordo com o tipo do desvio, o estrabismo pode ser classificado em três tipos:

  • Estrabismo divergente ou exotropia, quando o desvio do olho é para fora, ou seja, em direção ao lado do rosto;
  • Estrabismo convergente ou esotropia, quando o olho está desviado em direção ao nariz;
  • Estrabismo vertical, quando o olho apresenta desvio para cima (hipertropia) ou para baixo (hipotropia).

O diagnóstico do estrabismo pode ser feito ainda em criança através de exames oftalmológicos, em que o médico observa a direção dos olhos e de que forma a luz é refletida a partir do mesmo ponto em cada um dos olhos. Assim, a partir do momento em que é concluído o diagnóstico e grau do estrabismo, pode ser indicado o tratamento mais adequado que tem como objetivo promover o fortalecimento da musculatura do olhos de forma a promover o seu alinhamento e prevenir a redução ou perda total da visão.

Criança com estrabismo do tipo convergente (esotropia)

Criança com estrabismo do tipo convergente (esotropia)

Sintomas de estrabismo

O principal sintoma do estrabismo é o desvio do olho, que pode ser constante ou acontecer apenas em alguns momentos, podendo ser leve ou grave, de acordo com o grau do desvio. Na maioria dos casos, o desvio é o único sintoma, no entanto, quando é grave, pode haver fadiga ocular, em que há maior dificuldade para focar os objetos e dor nos olhos.

Além disso, em alguns casos é possível que a pessoa perda a visão de um dos olhos, situação conhecida como ambliopia, uma vez que o cérebro suprime a atividade desse olho na tentativa de diminuir a chance de haver visão dupla, por exemplo. 

Principais causas

O estrabismo pode ser causado por defeitos em 3 locais diferentes:

  • Nos músculos que movimentam os olhos;
  • Nos nervos que transmitem a informação do cérebro para os músculos se movimentarem;
  • Na porção do cérebro que comanda o movimento dos olhos.

Por isso, o estrabismo pode aparecer na criança, quando o problema está relacionado com a falta de desenvolvimento de um destes locais, que acontece com frequência em casos de síndrome de Down ou paralisia cerebral, por exemplo ou no adulto, devido a problemas como Acidente Vascular Cerebral, traumatismo craniano, ou até uma pancada no olho.

Como é feito o tratamento

O tratamento para estrabismo pode variar de acordo com o tipo e grau do desvio e tem como objetivo fortalecer os músculos dos olhos e prevenir a perda total ou parcial da visão. 

1. Exercícios para estrabismo

Na maioria dos casos, a primeira linha de tratamento para o estrabismo exercícios oculares, que ajudam a coordenar os músculos dos olhos e diminuir o desvio:

  1. Colocar um dedo esticado a cerca de 30 cm do nariz;
  2. Colocar um dedo da outra mão entre o nariz e o dedo esticado;
  3. Olhar para o dedo que está mais perto e focar esse dedo até observar o dedo que está mais longe em duplicado;
  4. Movimentar o dedo que está mais perto, lentamente, entre o nariz e o dedo mais afastado, tentando focar sempre o dedo mais próximo para observar o dedo que está mais longe duplicado;

Este exercício deve ser repetido 2 a 3 minutos todos os dias, mas o oftalmologista pode também aconselhar outros exercícios para completar o tratamento em casa.

2. Uso de óculos de grau ou lentes de contato

Associada a realização de exercícios, o médico também pode indicar o uso de óculos de grau ou lentes de contato na tentativa de corrigir as alterações visuais, caso a pessoa possua.

No caso das crianças, principalmente quando existe uma diminuição da capacidade visual, pode ser indicado que o olho sem desvio seja tapado com um tapa-olhos, pois assim é possível fazer com que o olho com desvio seja estimulado a focar melhor os objetos, ajudando a diminuir o desvio, podendo ser também indicado o uso de colírios. No entanto, é importante que a criança seja avaliada regularmente pelo médico para que seja verificada a eficácia do tratamento.

3. Cirurgia

A cirurgia para estrabismo é indicado quando o grau de desvio é muito grande, há grande perda da capacidade visual e o tratamento com exercícios e/ ou óculos de grau não são suficientes. Dessa forma, o médico indicada a realização de cirurgia para equilibrar as forças dos olhos e promover o seu alinhamento, sendo esse procedimento realizado no bloco operatório sob anestesia geral. Veja mais sobre a cirurgia para estrabismo.

FONTE:

Link Fonte
Autor:
Dominio fonte: www.tuasaude.com
Data – 2021-09-14 01:38:28

[BL]games, PS2, PS3, Nintendo, Wii, iPod[/BL]

Compare Preços de: games, PS2, PS3, Nintendo, Wii, iPod no Buscapé.

Compartilhar