Fonte do Conteúdo: Clique Aqui para acessar o site

O aumento da inadimplência é uma das preocupações dos administradores de condomínios, desde os síndicos até as empresas especializadas na administração profissional. O que vinha sendo sempre levado com jogo de cintura agora preocupa mais por causa da pandemia de coronavírus (covid-19). Desde a mais recente atualização do Código Civil brasileiro, em vigor desde 2003, que fez despencar as multas e os juros cobrados de taxas condominiais em atraso – o adicional da cobrança era de 20% e passou a ser de 2% com a nova lei, paranaenses com dívidas de condomínio passaram a se tornar cada vez mais frequentes, cenário que ficou ainda mais presente desde março do ano passado.

LEIA TAMBÉM:

>> Paraná libera aulas presenciais sem limite de 30% de capacidade nas escolas; veja…

Autor: Data: 2021-05-02 10:40:13

———> > …
Fonte do Conteúdo: Clique Aqui para acessar o site Parceiro

Compartilhar