Atlético-MG vence Santos e mantém vantagem na liderança do Brasileiro.

O Atlético-MG venceu o Santos de virada por 3 a 1 na noite desta quarta-feira (13) e manteve 11 pontos de vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro.

Raniel abriu o placar para o Santos, mas Nacho Fernández (duas vezes) e Nathan Silva marcaram os gols da vitória do Atlético-MG no Mineirão, em Belo Horizonte.

A vitória deixou o Atlético-MG com 56 pontos, 11 acima do vice-líder Flamengo – que dois jogos a menos que o Galo no Campeonato Brasileiro.

As duas equipes voltam a campo pelo Campeonato Brasileiro neste domingo (17). O Atlético-MG viaja para enfrentar o Atlético-GO, às 18h15, enquanto o Santos segue na estrada e pega o Sport, às 20h30.

ATLÉTICO-MG BUSCA VIRADA COM INSPIRAÇÃO DE NACHO

Logo no primeiro minuto, Dylan Borrero cruzou da direita para Diego Costa e Velázquez tentou o corte na área, mas quando mandou contra a própria meta.

Aos nove minutos, Léo Baptistão caiu no gramado com dores na panturrilha e precisou ser substituído por Raniel.

O Atlético-MG reclamou do árbitro Paulo Roberto Alves Junior aos 11 minutos. Zaracho tabelou com Diego Costa e de costas para Wagner Leonardo, foi puxado pelo zagueiro e caiu no gramado. Alves Junior mandou o jogo seguir.

Marinho quase marcou aos 15 minutos. O atacante bateu escanteio da esquerda, a bola quicou no gramado e Everson defendeu encima da linha de gol.

João Paulo apareceu bem aos 27 minutos. Allan recebeu na intermediária e arriscou finalização no canto esquerdo para o goleiro espalmar.

Nova reclamação do Atlético-MG com a arbitragem aos 38 minutos. Mariano lançou Borrero na área e Wagner Leonardo dividiu com o atacante. Paulo Roberto Alves Junior novamente não marcou nada.

Diego Costa teve boa chance aos 45 minutos. Keno levantou para a área, o atacante ajeitou e finalizou cruzado, mas Vinícius Balieiro apareceu para travar e desviar a bola.

O Santos conseguiu abrir o placar logo aos três minutos do segundo tempo. Raniel recebeu na entrada da área e finalizou firme no canto direito para balançar as redes.

Só que aos 18 minutos, Nacho Fernández bateu escanteio da esquerda, Eduardo Sasha resvalou no primeiro poste e Calebe desviou de barriga para João Paulo fazer grande defesa.

Mas a equipe do VAR chamou Paulo Roberto Alves Junior para revisar falta de Lucas Braga em Calebe na jogada e o árbitro assinalou penalidade para o Atlético-MG.

Nacho Fernández foi para a cobrança e bateu rasteiro no canto esquerdo para empatar o jogo.

Vinícius Zanocelo quase recolocou o Santos na frente do placar aos 25 minutos. Marinho cobrou falta lateral e Zanocelo resvalou de cabeça, mas a bola explodiu no travessão.

O Atlético-MG buscou a virada aos 29 minutos. Nacho Fernández bateu falta lateral e Nathan Silva testou firme no canto direito para balanças as redes.

Aos 32 minutos, Calebe invadiu a área pela esquerda e foi calçado por Vinícius Balieiro. Após revisão na cabine do VAR, Paulo Roberto Alves Junior confirmou a penalidade.

Nacho Fernández foi novamente para a cobrança e bateu no canto direito, João Paulo defendeu com a perna, mas Nacho testou de cabeça no rebote para marcar.

LEIA MAIS: Londrina vence o FC Cascavel nos pênaltis e conquista o Campeonato Paranaense

FONTE:

Link Fonte
Autor: Jorge de Sousa
Dominio fonte: paranaportal.uol.com.br
Data – 2021-10-13 20:55:57

[BL]games, PS2, PS3, Nintendo, Wii, iPod[/BL]

Compare Preços de: games, PS2, PS3, Nintendo, Wii, iPod no Buscapé.

Compartilhar