Em meio à pandemia do coronavírus, os clubes brasileiros enfrentam uma crise financeira muito grande, o que por sinal vem preocupando muitos dirigentes, tendo em vista que não sabem como arcar com as adversidades que aparecem constantemente, fazendo com que a incerteza de recuperação econômica seja cada vez mais remota.

Fato este, vivido pelo Clube de Regatas Vasco da Gama, que já enfrentava graves problemas financeiros antes mesmo da chegada do vírus, e com ele as coisas ficaram ainda mais complicadas, o que trouxe uma preocupação a mais para o presidente cruzmaltino, que ainda procura formas de passar por esse difícil momento.

A verdade é que diante da falta de dinheiro em caixa, uma das possibilidades para os clubes conseguirem um fôlego econômico é a venda de ativos, que no caso incluem os atletas. Contudo, o problema é que tendo em vista a dificuldade financeira, os valores de mercado desses jogadores podem sofrer grandes alterações, fazendo com que as agremiações percam muito dinheiro.

Um dos clubes que teoricamente possuem um fluxo de caixa maior é a equipe do Atlético Mineiro, que devido à chegada de seu novo técnico, Jorge Sampaoli, promete ir ao mercado, para assim reforçar seu elenco para o restante da temporada, que por sinal promete ter um calendário bem apertado, já que a paralisação afetou todo o cronograma inicial.

Com isso, as especulações começam a surgir nos bastidores do futebol, e três jogadores do Vasco estariam na mira do clube mineiro, que provavelmente até já efetuou uma sondagem ao clube de São Januário, sendo o interesse direcionado ao atacante Marrony e os meias Raul e Andrey.



Source link

Compartilhar