Após boa sequência, defesa do Corinthians volta a apresentar problemas

Após boa sequência, defesa do Corinthians volta a apresentar problemas.



Depois de um início de temporada conturbado, com o Corinthians sofrendo gols constantemente, a defesa alvinegra se ajustou e recuperou a solidez que era vista nos anos anteriores. No entanto, nos últimos jogos, o sistema defensivo do Timão voltou a apresentar alguns problemas.

Considerando apenas os últimos quatro compromissos do clube, foram oito tentos sofridos, resultando em uma média de duas bolas na rede por partida. A única vez em que o time não foi vazado neste período foi na vitória de 3 a 0 sobre o Sport.

Situação bem diferente do que era visto até pouco tempo atrás. Do dia 22 de novembro de 2020 até 13 de janeiro deste ano, por exemplo, a equipe de Vagner Mancini sofreu apenas um gol em sete jogos, o que acarreta uma média de 0,14 gols contra por duelo.

E o próprio treinador corintiano reconheceu que o momento do seu sistema defensivo não está bom. Logo após a derrota por 2 a 1 para o Bahia, na última quinta-feira, o comandante disse que é inadmissível o alto número de falhas nos últimos embates e afirmou que ajustes precisam ser feitos.

“Defensivamente a equipe vem sofrendo, o que não podemos admitir. Tínhamos uma equipe totalmente equilibrada. Mostrou isso até tomar os dois gols, era a equipe que comandava, que tinha as melhores ações, levamos um gol numa falta lateral e num contra-ataque, em que tínhamos dois zagueiros e um lateral e levamos o gol. Vamos precisar de ajustes. Nas outras teve história diferente, mas no jogo de hoje (quinta-feira) você não pode ser superior ao adversário, que jogaria a vida, e permitir que saiam na frente e ampliem o marcador”, comentou.

Nesta quarta-feira, a defesa do Corinthians terá um importante teste para mostrar que está ajustada. O Timão recebe o Ceará em um confronto direto por uma vaga na próxima edição da Libertadores. Além de ter a quarta melhor campanha como visitante, o Vozão ainda apresenta o sexto melhor ataque do Brasileirão.

Para este jogo, o zagueiro Jemerson, que se recupera de um estiramento no ligamento colateral medial do joelho esquerdo, não estará à disposição, assim como foi contra RB Bragantino e Bahia. A bola rola no gramado da Neo Química Arena a partir das 21h30 (de Brasília).

FONTE:

Link Fonte
Autor: Gazeta Esportiva
Dominio fonte: ricmais.com.br
Data – 2021-02-02 05:00:00